Faça parte do nosso programa de fidelidade!

Aprenda como fazer o bebê dormir sozinho

 1.483 Visitas  28 de outubro de 2020  Kids Brasil
Bebê feliz dormindo no berço

É normal que os pais tenham dó de deixar o bebê dormindo sozinho em seu berço, até porque esse não é o mais natural dos cenários, mas criar táticas para fazer o bebê dormir sozinho desde cedo pode ser de grande ajuda para diminuir os estresses, os choros e as birras que podem acabar acontecendo!

Pensando nesse drama que muitos pais passam – especialmente os de primeira viagem – preparamos algumas dicas especiais para fazer os pequenos se acostumarem desde de cedo ao seu bercinho, sem sofrimento.

O ciclo de sono do bebê

Se você quer aprender a fazer seu filho dormir sozinho, precisa começar entendendo sobre como funciona o sono do bebê.

É natural que os pais se assustem com como o bebê parece dormir o dia inteiro, e como parecem ter uma preferência por despertar à noite.

A verdade é que, no começo, os bebês têm pouca noção do ritmo do dia e da noite, e podem dormir até 18 horas ao dia, acordando apenas para se alimentar e fazer suas necessidades. Não se assuste com isso, é natural e saudável.

Bebê dormindo no peito da mãe

À medida em que o bebê cresce, esse volume de horas de sono diminui. Neste período, a criança passa a ser mais ativa, assim como seu sono: a fase R.E.M. do sono, que é mais intensa e leve, é mais longa que a dos adultos, enquanto a fase do sono profundo é mais curta. Isso demonstra que sim: o sono do bebê é mais leve que o nosso!

Por isso, é normal que ele acorde algumas vezes durante a noite. Também é normal que acorde chorando e pedindo pelos pais.

E é importante checar o bebê e dar cuidado, mas muitas vezes o que acaba parecendo mais fácil é levá-lo para a cama ou ficar ninando. O problema é que isso cria um costume no pequeno, que pode acabar sendo difícil de desfazer.

Não é raro bebês que dormem por muitos anos junto com os pais, e quanto mais se demora para resolver essa questão, mais isso afeta o convívio dos pais e do bebê.

Para evitar choradeiras, estresses, dramas e algumas sessões de psicoterapia, é importante criar hábitos saudáveis desde o início!

Como fazer o bebê dormir sozinho

Organize os ciclos dia-noite

Assim como todas as criaturas, o ser humano é guiado pela relação do ciclo dia-noite e, por mais que usemos luz elétrica hoje, nada substitui essa relação, por isso é importante ensinar desde cedo o bebê a identificar dia e noite.

Deixe as cortinas do quarto bem abertas e os barulhos normais acontecendo, e à noite, deixe o ambiente bem escuro e silencioso. Isso vai ajudar ele a perceber que um período do dia é mais agradável que o outro para dormir, e assim você vai regulando aos poucos seu ritmo do sono.

O escuro confortável vai incentivar a produção de melatonina, que é fundamental para preparar o sono.

Dormir é no berço

Dar carinho é ótimo e essencial, e você deve dar muito colo, conversar e cuidar, mas é importante acostumar o bebê a pegar no sono no berço, para que ele comece a associar todo o processo de dormir já no berço. Isso vai evitar, por exemplo, que ele se sinta desconfortável ao acordar no meio da noite, pois não vai sentir que está num lugar estranho.

Bebê de pijama dormindo no berço

Você pode dar colo, cantarolar ou fazer barulhos relaxantes, mas ao perceber os indícios de sono, coloque o bebê no berço, sempre na posição supino, com a barriga para cima, em um colchão firme.

Continue junto do bebê, fazendo barulhos agradáveis, deixe que ele te veja e saiba que está seguro.

Dialogue com o bebê

Se o bebê já for mais crescido e não tiver criado o costume ainda, você pode dialogar com ele, dia após dia.

Bebês têm um entendimento rudimentar, então táticas educativas como desenhos podem ajudar a informá-lo que o berço é o lugar do bebê e a cama, dos pais. Crie conversas e situações lúdicas para o bebê se sentir estimulado e divertido no momento de deitar na cama.

Pai beijando a cabeça do bebê dormindo

Se sentir dó de deixar o bebê sozinho, você pode acompanhá-lo até que pegue no sono.

Converse com ele explique que aquele momento é para dormir, e que vai estar ali caso ele precise, mas pare de se comunicar, evite responder e não deixe de ser firme, mesmo que ele acabe fazendo drama. Isso é normal, o bebê vai ficar contrariado, mas se não houver nenhum desconforto físico real. Você não deve ceder, seja firme e sempre que ele sair, o coloque de volta, explique outra vez, mas não deixe que ele passe a acreditar que vai conseguir resolver as coisas chorando.

Por isso é importante levar o bebê hidratado, depois de ter feito xixi e com um pijaminha bem confortável para a cama, assim você se certifica de que ele foi para a cama preparado para dormir, e está apenas contrariado.

Prepare o berço e o bebê

O berço é só para dormir. Não faça mais nenhuma outra atividade, como brincar ou dar comida, no berço. Ele precisa ser associado ao sono, apenas.

O ambiente do berço precisa ser clean: sem brinquedos nem cheiros muito fortes de artigos de limpeza ou mesmo aromaterápicos, luzes (não dê o hábito de manter luzes acesas) e sem sons. Por mais que alguns sons ajudem a pegar no sono, é importante tirá-lo assim que o bebê adormecer, porque podem acabar acordando ele, em seu sono leve.

Você pode deixar a famosa nana do bebê, que pode ajudá-lo a pegar de volta no sono quando acordar no meio da noite.

A temperatura do quarto também deve ser adequada, pois quando ele é muito pequeno, a regulação da sua temperatura corporal não é tão prática. Entre 19o e 24o é uma faixa confortável.

Se usada sem exageros, a chupeta pode ajudar muito o bebê a relaxar e cair no sono mais rápido. Se necessário, escolha uma boa chupeta para ele, mas controle seu uso.

Não dê nenhuma comida estimulante, como doces, antes de dormir, nem permita que o bebê fique exposto à luz violeta do celular ou tablet.

Busque ajuda

Se o bebê apresenta muita irritabilidade ou realmente não consegue pegar no sono mesmo depois de cansado, é importante buscar auxílio profissional para entender alguma condição, como hiperatividade, autismo, problemas na produção de melatonina ou algum tipo de desconforto físico.

É importante ir educando seu bebê ao berço desde sempre, mas mesmo os bebês mais velhos podem superar o medo de dormir sozinho, seja perseverante e, em momentos em que sentir que não está tendo muito êxito, busque ajuda de uma psicoterapeuta infantil para te oferecer suporte com o bebê. Essa mudança de hábito vai ser muito importante para vocês dois.

Aqui no blog da Kids Brasil você encontra diversas dicas para cuidar do seu pequeno, e em nossa loja online, as melhores roupas infantis para todas as idades!





Visite nossa loja física
Visite nosso site.
Contate-nos
Ganhe   5% OFF