5 Cuidados especiais com as crianças durante o tempo seco!

 1.048 Visitas  29 de novembro de 2017  Rock Content
Criança de mãos dadas com os pais

A mudança de uma estação para outra é o momento em que estamos mais propensos a ficar doentes. No caso dos bebês, o perigo é ainda maior. Seu organismo têm menos defesas e seu pequeno corpo está começando a se adaptar a um novo ambiente.

Embora seja comum pegar um ou outro resfriado, é aconselhável adotar algumas medidas que ajudem a reduzir o risco de seu filho ficar doente cada vez que chega uma nova temporada. Para isso, fique atento as dicas que nós da Kids Brasil vamos dar logo abaixo:

Fique atento às mudanças de temperatura

Tanto médicos quanto os pais mais experientes concordam que o que realmente causa doenças respiratórias em crianças não é a mudança de estação em si, mas a mudança repentina de temperatura.

Portanto, é aconselhável manter a temperatura interior da casa entre 20 e 24 graus Celsius. Para isso em algumas estações pode ser que você precise ligar o aquecedor, já em outras você irá precisar de um ar-condicionado ou de um ventilador. No verão, por exemplo, se a temperatura interna da casa for mais baixa que isso, quando você levar o bebê para fora, principalmente no tempo seco, ele vai sentir o impacto muito forte da mudança de temperatura.

Fique atento ao tempo seco

O tempo seco, também diminui a umidade do ambiente. Isso faz com que a mucosa nasal e bucal do seu bebê fiquem secas. Isso facilita a entrada, de poeira e micróbios por meio dessas rotas. Também pode ser que aconteça sangramento nasal e dificuldades respiratórias. Portanto, é muito importante que você tenha um umidificador em mãos. Ele mantém a umidade do ambiente portanto, ele pode evitar algumas doenças que o tempo seco pode gerar no seu filho.

Tenha cuidado no tempo frio

Durante os dias em que você usa aquecimento ou ar condicionado para aquecer sua casa, é importante que você ventile o ambiente. A condensação desses aparelho acaba gerando umidade nas paredes com o passar do tempo. Essa umidade acaba propiciando o surgimento de fungos. Esses fungos são muito prejudiciais para a saúde do seu bebê, especialmente se ele tem alergia. Portanto, para evitar todos esses problemas, basta abrir as janelas pelo menos 10 minutos por dia.

Mesmo que não esteja doente, é normal que, nas estações frias, seu bebê tenha mais muco nasal. Não se preocupe, esse é um processo fisiológico do próprio corpo. Quando perceber que isso está causando dificuldade na respiração do bebê (porque as narinas estão bloqueadas), use algum aspirador nasal ou hastes flexíveis para limpar se for  necessário.

Cuidado com as epidemias

Durante as epidemias de gripe por exemplo, evite sair com seu bebê, especialmente para ir a lugares com muitas pessoas. Quanto maior o número de pessoas, mais provável que pegue gripe. Esse risco aumenta ainda mais se o local é fechado.

Se seu filho já vai pra a creche ou para a escola e você sabe que está havendo um surto de gripe ou de qualquer outro vírus, considere não levar seu filho por alguns dias se isso for possível.

A alimentação também ajuda

Uma dieta rica e variada também ajuda a protegê-lo das doenças. Os vegetais e as frutas que contêm vitaminas A e C, bem como peixe e leite, são os mais recomendados, caso o bebê já esteja na idade apropriada para consumir alimentos.

Se o seu bebê tem menos de 6 meses, lembre-se que, o leite materno é o único alimento que ele deve ingerir. O leite materno estimula o sistema imunológico do bebê, de modo que a amamentação é ideal para prevenir todos os tipos de doenças.





Visite nossa loja física
Visite nosso site.
Contate-nos
Ganhe   5% OFF