Brincadeiras antigas: as 8 mais divertidas para fazer com as crianças!

 160 Visitas  10 de fevereiro de 2021  Kids Brasil
Crianças de mãos dadas brincando em roda em local arborizado

A tecnologia presente no dia a dia das crianças tornou cada vez mais difícil fazê-las sair de dentro do conforto de suas casas para realizar atividades ao ar livre. Tudo aquilo que necessita de uma maior mobilidade, agora, é taxado como brincadeira antiga.

E isso acaba se tornando algo prejudicial, já que as crianças não têm oportunidade de desenvolver novas habilidades e evoluírem as que já possuem.

Assim, a motricidade e o cognitivo podem se tornar mais defasados ou incompletos, afinal eles não trabalharão outros tipos de reflexos, não desenvolverão a lógica, entre outras coisas.

Mas é possível trazê-los para fora, chamando suas atenções para coisas novas, com diversas brincadeiras saudáveis que vão proporcionar momentos incríveis.

Hoje, a Kids Brasil apresentará algumas opções super divertidas que tornarão o dia dos pequenos ainda mais ativo. Acompanhe a leitura!

Diversão e aprendizado: entenda a importância do brincar

Não é de hoje que se sabe que brincar é de extrema importância para os pequenos, não é? Além de se divertirem, eles desenvolvem muitas habilidades, trabalhando a motricidade e o cognitivo.

Entretanto, com o advento tecnológico, é visível que as brincadeiras acabaram se tornando jogos e aplicativos eletrônicos, entre outras coisas.

Mas as brincadeiras antigas não devem sumir da rotina dos pequenos, elas são ótimas para trabalhar os reflexos, a lógica e o espírito competitivo e parceira, quando realizadas em grupo.

Para chamar a atenção deles, é importante trazer novidades. Algumas crianças, por não possuírem espaço em casa ou morarem em uma área muito perigosa, não têm a oportunidade de fazer atividades diferentes, apenas, talvez, na escola. Mas isso não quer dizer que não possam ser feitas, algumas são super práticas.

Confira as opções:

1. Esconde-esconde

Essa brincadeira é uma das mais famosas, estimulando diferentes áreas do cognitivo, como o instinto, o raciocínio lógico, a intuição e muitas outras. O esconde-esconde tem feito parte da rotina de brincadeiras das crianças há muito tempo, é super prática e promove momentos preciosos de alegria.

Ela deve ser realizada por um grupo de três ou mais crianças em um espaço bem grande, geralmente o quintal de uma casa e, até mesmo, na rua – desde que ela seja segura! Os pequenos devem se juntar para tirar no par ou ímpar quem irá contar e até quantos, também podem ser definidas as regras.

Definido tudo isso, a pessoa começa a contagem, sem olhar, enquanto os outros procuram seus esconderijos. Quando zera a contagem ou chega no limite, o pegador deve sair atrás para descobrir cada pessoa, que pode se salvar correndo até o local combinado sem serem pegos.

2. Telefone sem fio

Essa brincadeira é excelente para manter as crianças entretidas por um longo tempo, pois requer muita atenção para ser realizada.

Deve-se fazer uma roda ou fila, a primeira pessoa escolhe uma palavra de qualquer tema, pode ser uma fruta, um objeto ou qualquer outro nome, e passa para o próximo, falando em sua orelha baixinho, assim, todos passam a palavra até chegar na última pessoa, que deve dizer em voz alta a palavra que chegou até ela.

Menina falando no ouvindo de outro menina

É claro que, nem sempre, as pessoas acertam o que foi escolhido no começo, mas é uma atividade que rende muitas risadas!

3. Amarelinha

Qual adulto que nunca pulou amarelinha, não é? Essa brincadeira também está há gerações em nossa cultura, perpassada através do tempo.

A amarelinha deve ser desenhada no chão, geralmente como uma série de formas quadradas, distribuídas de um-dois-um e numeradas até a quantidade que for definida antes, até 10, por exemplo.

O objetivo é chegar até o final dela pulando com um pé, nos quadrados únicos, e dois, quando há duas formas, sem pisar fora dos limites ou cair. Existem muitas maneiras de pular amarelinha, jogando uma pedra por partida em números sequenciais, até chegar no fim.

A forma de brincar não importa tanto, o ideal é promover a diversão. Essa opção é ótima para trabalhar o equilíbrio dos pequenos e a força, quando uma perna sustenta todo o corpo.

4. Pega-pega

Aqui, a velocidade e os reflexos são muito trabalhados, assim como a criação de estratégias. O grupo deve definir quem será o pegador, depois devem se afastar e fugir dele. Quem for pego tomará o lugar de ser o pegador e assim a brincadeira segue.

Crianças correndo em gramado bem verdinho

Existem alguns modelos de pega-pega que são mais conhecidos, com regras diferentes. São eles:

Pega bandeira

O espaço deve ser dividido em dois campos, um para cada time, assim, uma bandeira deve ser colocada na extremidade de cada campo, pode ser uma fita, um pano ou lençol mais velho. O objetivo é roubar a bandeira do time adversário, tomando cuidado para não serem pegos.

Quem for pego por pessoas adversárias, deve ficar congelado no lugar, até outra pessoa do mesmo time vir “descongelar”, tocando nela para salvá-la.

Pique de cores

As crianças escolhem o pegador, esse tem a tarefa de escolher uma cor, gritando-a, assim todos correm, procurando a cor solicitada para tocá-la. Quem for capturado antes de chegar até a cor, deve ser o novo pegador.

5. Elefante colorido

O ideal, nessa brincadeira, é que os pequenos estejam vestidos com roupas coloridas para ser mais divertido. Ela trabalha a agilidade, a atenção e o raciocínio.

Uma pessoa é escolhida para ser o elefantinho, que deve ficar virada de costas para as demais crianças. Um risco deve ser feito no chão para indicar o limite.

Assim, o elefantinho deve dizer, em voz alta, uma cor, e as crianças precisam verificar se estão vestidas ou usando algum acessório com ela. Se sim, podem passar tranquilamente pelo limite, caso contrário devem atravessar sem serem pegos. Quem for pego, torna-se o elefantinho.

6. Passa anel

As crianças esperam enfileiradas e com as mãos juntas. A que está com o anel, deve ir passando a mão entre a mão de todos os outros, não revelando para quem deu o anel. Então, faz a pergunta para um dos participantes – aquele que não está com o anel! – que deve adivinhar com quem ficou o objeto. Se acertar, vira o passador, caso não, deve pagar uma prenda.

Menina segurando ursinho de pelúcia e com o braço erguido mostrando anel na palma da mão

7. Bolinha de gude

Essa é uma das mais conhecidas entre os pequenos, isso porque é muito divertida e estimula a competitividade, concentração e mira. Aqui, em buracos cavados na terra ou em círculos desenhados no chão, cada criança deve acertar suas bolinhas. O vencedor é aquele que conseguir acertar mais.

A brincadeira também pode ser realizada de muitas maneiras, cada região e grupo de pessoas definem como jogarão. Tem crianças que preferem estabelecer um ponto de partida para mover as bolinhas, outros apostam, entre outras coisas.

Antigamente, era uma febre, as crianças faziam filas nos pontos de venda das bolinhas para comprar as mais bonitas. Por serem bem baratinhas, era comum cada criança possuir uma grande quantidade.

8. Soltar pipa

Essa ainda é realizada, principalmente em períodos de muito vento, como julho e agosto. É comum olhar para o céu e ver várias pipas se destacando contra o azul. A ideia é soltar o mais alto que puder e podem até acontecer algumas competições.

Aqui, a criatividade é o que vence, trabalhando muito as habilidades motoras finas ao montar a pipa, a rabiola, entre outras coisas. Muitas crianças podem optar por comprar os papagaios, mas o divertido é fazer a sua e vê-la planando depois!

Além dessas, existem muitas outras, como pião, dança das cadeiras e muitas mais. O importante é deixar a imaginação voar na hora de escolher as brincadeiras, a maioria é muito fácil de realizar em casa ou na escola!

Vale ressaltar, novamente, que brincar é uma excelente maneira de aprender! As crianças se desenvolverão em meio a muitas risadas.

Para ficar por dentro de mais atividades divertidas para os pequenos, acompanhe nossas publicações semanais. Até a próxima!





Visite nossa loja física
Visite nosso site.
Contate-nos
Ganhe   5% OFF

Quer economizar 5% em sua compra?

Cadastre-se e regate agora!

× não quero desconto