Introdução alimentar do bebê com frutas típicas da Primavera

 73 Visitas  24 de setembro de 2021  Joyce Antunes

Quando o bebê começa a crescer, as dúvidas sobre como introduzir outros alimentos na rotina começam a surgir: qual é a melhor opção? Como devo apresentá-lo ao meu bebê? Todas essas questões são extremamente relevantes e importantes para o desenvolvimento, por isso, os detalhes devem ser levados em conta para o novo ciclo.

Introdução de alimentos complementares

A fase de iniciar a alimentação complementar ao bebê é tão importante quanto o que será servido à ele. Pesquisadores e profissionais da área de nutrição afirmam que a idade ideal é a partir dos seis meses de idade. Período esse em que o leite materno passa a ser insuficiente para nutri-lo da forma correta.

Nessa faixa etária o organismo do pequeno está com suas funções intestinais, renais, imunológicas, gastrointestinais, cognitivas e neuropsicomotoras preparadas para receber as vitaminas e nutrientes necessárias para realizar a transição do neném para uma criança linda e saudável.

O que evitar?

Para que a alimentação contribua de forma eficiente aos pequenos, é importante evitar refeições ricas em açúcar, sal, gordura, corantes e conservantes químicos, como por exemplo: biscoitos recheados, refrigerantes, doces em geral e outros. Pois os mesmos podem sobrecarregar alguns órgãos, causando assim, irritações e distúrbios.

O que oferecer para o bebê?

No início, é importante servir frutas e vegetais de forma variada para que o bebê se aventure em conhecer sabores e texturas. Uma dica importante é sempre priorizar os vegetais da estação, pois eles possuem maior valor nutricional e menos carga de agrotóxicos e fertilizantes.

Após um curto período de adaptação com as frutas e verduras, você pode adicionar outras fontes de nutrição como:

Frutas da PRIMAVERA para introdução alimentar

É certo que as frutas são uma excelente fonte de vitaminas e muitos outros nutrientes, mas você sabia que optar por consumir alimentos da estação faz muito bem à saúde? Isso acontece pelo desenvolvimento do fruto que ocorre de forma natural, sem estímulos artificiais que prejudicam o nosso organismo.

E para você montar o cardápio do seu anjinho de forma variada e mais saudável, temos uma lista de frutas típicas da primavera e alguns de seus benefícios:

Como oferecer frutas ao bebê?

Com seis meses os dentinhos ainda estão crescendo, por isso, é importante que as mamães e os papais se atentem ao modo de servir as frutas ao bebê. A melhor opção para o início da introdução alimentar é a papinha. Pode ser feita raspando ou amassando as frutas até que se forme uma pastinha consistente e saborosa. O uso de processadores como liquidificador não é recomendado, pois a fruta perde suas fibras e outros nutrientes essenciais.

O novo ciclo pode ser um tanto diferente, mas guarde nossas dicas, se aprofunde nos assuntos mais relevantes para a sua rotina e viva esse momento, pois ele é único e mágico para você e principalmente para o seu bebê!





Visite nossa loja física
Visite nosso site.
Contate-nos