Frete Grátis em compras acima de R$ 499,90

5 Sinais do parto: entenda quando a hora chegou!

 7.089 Visitas  13 de janeiro de 2021  Kids Brasil
Mulher grávida sentada no chão com a mão na barriga

Não é segredo para nenhuma mamãe, até mesmo para aquelas de primeira viagem, que os primeiros indícios de que o trabalho de parto vai começar são as contrações. No entanto, para além desses sinais mais corriqueiros e populares, podemos ainda elencar outros sintomas muito importantes para o prelúdio do nascimento do bebê.

Considerado um movimento muito importante para entender quando se inicia o momento do parto, saber identificar e entender os sinais é crucial para avisar o seu médico e até mesmo saber quando é a hora de ir para o hospital.

Alguns sintomas são bem característicos e protocolares, outros são fora de época e mais difíceis de se perceber, então discorreremos um pouco mais sobre os sinais de parto próximo. Então que comecem os trabalhos… Calma! Os nossos trabalhos, porque o post da Kids de hoje está sensacional.

Informativo com os 5 sinais do parte

1. Encurtamento do colo uterino

Lá pela 35ª/36ª semana, é normal que as mulheres façam o exame de toque no obstetra para avaliar o apagamento do colo uterino, o qual começa a encurtar conforme a gravidez vai avançando.

Assim, variando de 3cm a 4cm, com o tempo, o colo do útero encurta para facilitar a concepção do bebê, dando indícios de que o trabalho de parto será iniciado nas próximas semanas.

Além disso, o obstetra, com o exame de toque, consegue sentir se a região uterina começou a se expandir para facilitar assim o parto, podendo chegar a até 10 cm de dilatação.

2. Hemorragia vaginal

Saber a diferença de uma hemorragia vaginal da perda do rolhão mucoso é crucial, visto ser comum durante a perda do tampão a saída de sangue devido a alguns vasinhos sanguíneos na região uterina.

Mas, embora possa descer um pouco de sangue junto com o rolhão mucoso, não se tem um sangramento exponencial, o que se notaria em uma hemorragia. Começou a perder muito sangue é um aviso de que é preciso ir à maternidade para começar o parto imediatamente.

3. Perda do tampão mucoso

Conforme há as dilatações, o tampão mucoso, que visa proteger a placenta isolando o colo uterino, pode acabar escorregando devido à reação hormonal.

A perda do tampão mucoso sinaliza o começo do trabalho de parto em até 2 semanas. Logo, é muito importante comunicar ao seu médico para que ele possa recomendar algumas orientações específicas sobre os processos da internação.

4. Ruptura da bolsa amniótica

Ao mínimo sinal de vazamento da bolsa amniótica, é importante ficar em alerta. Nesse caso, é comum que muitas pessoas não consigam diferenciar se o que vazou é o próprio líquido amniótico ou urina de difícil contenção.

Na dúvida, avise imediatamente ao seu médico. Isso porque, quando se perde o líquido amniótico, é preciso ir direto ao hospital para avaliar o quanto de líquido resta na bolsa. Em alguns casos é preciso até induzir o parto, pois o vazamento pode aumentar casos de infecção da criança.

Ruptura da bolsa e vazamento do líquido amniótico são sinais de que você precisa correr para o hospital maternidade, dada a probabilidade de que o seu trabalho de parto comece já!

5. Contrações doloridas e latentes

É normal que a futura mamãe sinta algumas contrações durante a gravidez. Contudo, se a sua contração começar a ficar mais dolorida, de forma que você a sinta na base da barriga, refletindo, por vezes, no ânus, de forma muito intensa e ritmada é um motivo de alerta.

A contração consiste no seu corpo trabalhando para aumentar a pélvis, abrindo a passagem para que o bebê possa nascer.

Mulher grávida sentada em cama com mão na barriga e nas costas, com expressão de dor

Ao notar que as Braxton Hicks, que antes não doíam, começaram a se tornar mais intensas e dolorosas, parecendo uma cólica menstrual intensa, pode ser um forte indício de que o trabalho de parto irá iniciar.

É normal a confusão da dor de uma contração com a dor de alguma congestão gastrointestinal. Caso isso aconteça, você pode ir ao banheiro tentar evacuar para ter certeza de que é uma cólica de contração .

Essas contrações dolorosas podem durar semanas ou horas, se, e somente se, você já estiver entrando na 2ª etapa do processo de parto. Geralmente, as contrações duram de 30 a 40s, com intervalos longos, no entanto, quando o intervalo diminui, aí temos um grande indício.

Se você mora em uma metrópole e é muito difícil chegar ao hospital devido ao trânsito, é muito importante mensurar o tempo de contração. Se durante os últimos 60 min você teve contração a cada 10 min, fique em estado de vigília. Já se mora no interior e é mais fácil chegar até o hospital, o tempo pode cair para 5 min.

No caminho, é crucial avisar o seu médico que está seguindo para a maternidade para receber a assistência necessária.

Prontinho! Tentamos passar um panorama geral dos principais sinais de um possível trabalho de parto.

Compreenda ainda que cada corpo é singular e possui algumas especificidades. Embora os sinais sejam contundentes, não são verdades consolidadas, logo, é crucial procurar o seu médico para exames mais precisos e sólidos.

Mulher grávida deitada em maca de hospital, vestida com vestes hospitalares e com expressão de dor

Se gostou do post de hoje, confira as nossas diversas publicações aqui no site e explore o vasto universo da maternidade e do desenvolvimento infantil. Garantimos que você vai aprender muito com os nossos posts.

Siga a Kids no Instagram, lá você fica por dentro das tendências da moda infantil e ainda vem fazer parte de nossa extensa família.

Até mais.





Visite nossa loja física
Visite nosso site.
Contate-nos
Ganhe   5% OFF

Quer economizar 5% em sua compra?

Cadastre-se e regate agora!

× não quero desconto